RESENHA - QUADRINHOS: LIGA DA JUSTIÇA VS OS VINGADORES

Liga da Justiça Vs Os Vingadores (título original – Justice League Vs The Avengers) é uma mini-série em 4 edições que une, respectivamente, os mundos dos heróis da DC Comics e da Marvel Comics, em uma batalha pela vida de ambos os universos. Um ser chamado Krona, vindo dos confins do universo, atrás da resposta para a existência de tudo ameaça destruir tudo, até que da destruição suprema, surja a resposta que ele tanto almeja. Para impedir que isso aconteça, o Grão-Mestre, um ancião universal que contém enorme poder e conhecimento, cria uma disputa com Krona para decidir qual dos mundos deverá ser destruído, o mundo dos Vingadores, ou o mundo da Liga da Justiça.

É interessante notar as diferenças entre ambos os universos, e o modo como cada grupo de super-heróis enxerga o mundo de seus opostos; enquanto Super-Homem percebe o mundo dos Vingadores como um mundo desorganizado e com heróis irresponsáveis e perigosos, o Capitão América percebe o mundo da Liga da Justiça como fascista e com líderes que se perfazem como deuses. Começa então, uma disputa por itens de extremo poder de ambos os mundos, visto que a Liga da Justiça precisa ir até o mundo dos Vingadores, e vice-versa, aonde os heróis são meros peões em um jogo de xadrez maior do que todos podem imaginar.

Liga da Justiça Vs Os Vingadores traz uma premissa já vista anteriormente no universo da DC Comics, em uma mini-série de 12 edições, chamada Crise Nas Infinitas Terras, na qual o chamado “multiverso” se torna vítima de uma criatura vinda de uma série de destruições de universos a fim de obter conhecimento supremo; contudo, isso em nada afeta a história, que traz conceitos e perspectivas diferentes para ambos os universos: o mundo dos Vingadores, por exemplo, é um mundo menos avançado tecnológicamente, e levemente “menor”, enquanto que o universo da Liga da Justiça é superiormente mais avançado e “maior”.

Outro ponto interessante a ressaltar é que, quando um herói de um universo adentra no universo do outro, a sua capacidade pode, ora aumentar, ora piorar, a fim de que as disputas pelos tais poderosos itens torne-se equivalente; e isso é bastante perceptível quando ocorre um embate entre Mercúrio, do universo dos Vingadores, e o Flash, do universo da Liga da Justiça. Mas no geral, o que importa são as épicas batalhas que ocorrem entre os heróis e, logicamente, o empolgante e desenfreado clímax que precede o final da saga, o que torna a leitura altamente recomendável.

Liga da Justiça Vs Os Vingadores não é uma leitura que irá mudar sua vida; contudo, ela coloca os personagens mais poderosos de ambos os universos lutando incessantemente pelo bem-maior; o destino de sua terra.
Nota: 10








Liga da Justiça Vs Os Vingadores - 04

Para a leitura das revistas, faz-se necessária a instalação do CDISPLAY , um programa próprio para a visualização dos arquivos; para a "navegação" das páginas, basta utilizar as teclas "Page Up" e "Page Down" para "virar as páginas" e as teclas direcionais para subir ou descer nas páginas.
These icons link to social bookmarking sites where readers can share and discover new web pages.
  • Digg
  • Sphinn
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Mixx
  • Google
  • Furl
  • Reddit
  • Spurl
  • StumbleUpon
  • Technorati

4 Responses to this post

  1. Jacques on 12 de setembro de 2011 19:02

    Já ouvi falar muito desta hq, mas ainda não a li.
    Busiek e Perez são dois artistas simplesmente geniais e merecem ser lidos com atenção.
    Valeu.

    Jacques Beduhn
    http://fantasticocenario.com.br/

  2. Leonardo on 29 de janeiro de 2012 16:33

    Esse é o melhor crossover mesmo, a história que mostra o que é Marvel e o que é DC. E os personagens são muito bem explorados. Concordo com a nota 10!

  3. Giovanni Matos on 25 de agosto de 2015 06:41

    cara muito obrigado!!! vc realizou meu sonho

  4. Yadira Cervantes on 3 de setembro de 2015 09:29

    Independentemente do número de filmes que surgiram a partir dele, devo dizer que o primeiro foi o meu favorito. Quando eu vi o personagem da atriz Scarlett Johansoon, me fascinava, a partir daquele momento, comecei a ver em outros filmes. Vale a pena ver seu caráter.

Leave a comment